Parlamentares colocarão Emendas para garantir reajuste maior e único aos aposentados

Posted on 22/11/2013

9


O presidente da COBAP, Warley Martins Gonçalles, considerou irrisória e injusta a previsão de reajuste aprovada nesta semana pela Comissão Mista de Orçamento, que prevê em 2014 um aumento de 5,7% para 8 milhões de aposentados e pensionistas do INSS que ganham mais que um salário mínimo.
Inconformado com a notícia, o líder da categoria rapidamente se movimentou politicamente, ligando para os parlamentares mais próximos, objetivando que eles protocolizem em poucos dias as emendas que garantam um reajuste igualitário à todos os 30 milhões de beneficiários do INSS.
Warley acredita que o senador Paulo Paim (PT) será um dos autores desta emenda, juntamente com os deputados Arnaldo Faria de Sá (PTB), Paulinho da Força (Solidariedade), Julio Delgado (PSB), Marçal Filho (PMDB), Cleber Verde (PRB), entre outros parlamentares que sempre se posicionaram a favor dos aposentados.
Importante ressaltar que, independente das decisões tomadas pela Comissão Mista de Orçamento, o reajuste para 2014 terá que ser amplamente discutido e aprovado pelo Senado e pela Câmara dos Deputados.
“Até lá certamente muita água irá passar por debaixo da ponte, ainda mais tratando-se de um ano eleitoral, onde tudo pode acontecer, desde que haja uma forte pressão”, analisa o cientista político Eduardo de Souza Guércia.

Posted in: cidadania, Destaque